Notícias

 



Notícias relacionadas a Cidade de Itajaí ou região.



Voltar a página das notícias!

Descrição da Notícia

Atlas Ambiental da Foz do Rio Itajaí-Açu chega às escolas de ensino fundamental de Itajaí
Publicação com mais de 300 páginas servirá como ferramenta de educação socioambiental para professores e estudantes de 40 unidades públicas de ensino

Diretoras das 40 escolas de ensino fundamental da rede municipal de ensino de Itajaí, receberam gratuitamente nesta quarta-feira, 30 de agosto, no auditório da Secretaria de Educação, 80 exemplares do Atlas Ambiental da Foz do Rio Itajaí-Açu. Foram dois exemplares para cada escola e ficarão a disposição para consultas dos alunos, servidores e comunidade.

A publicação foi construída com apoio da Fundação de Meio Ambiente – FATMA, em atendimento ao processo de compensação ambiental do Estaleiro Itajaí, pelo uso de Área de Preservação Permanente – APP para sua ampliação.

O livro é resultado da reunião de documentos históricos das cidades de Itajaí e Navegantes e de estudos recentes de aspectos socioambientais e econômicos das duas cidades, desenvolvidos em mais de dez anos e para diversos projetos, pelas empresas do Grupo ACQUAPLAN. Pesquisadores e colaboradores de universidades, institutos de pesquisa e órgãos públicos também assinam os textos, dispostos em mais de 300 páginas e com densa informação técnico-científica ilustradas com fotos, mapas e infográficos.

O conteúdo apresenta três grandes capítulos que destacam, respectivamente, aspectos físicos e naturais da foz do rio Itajaí-Açu, aspectos socioeconômicos, qualidade e gestão ambiental das cidades de Itajaí e Navegantes. A publicação é introduzida por um histórico de ocupação e colonização da região e concluída por imagens históricas da foz, cedidas gentilmente pelas fundações culturais e arquivos históricos das duas cidades.

“Os colaboradores do Atlas debruçaram-se sobre documentos históricos para detalhar como a foz do rio Itajaí-Açu transformou-se neste importante polo portuário brasileiro”, explica o coordenador editorial do Atlas, oceanógrafo Fernando Luiz Diehl.