No ar desde 15/02/2000 - Obrigado pela sua visita -


Agenda
Amigos Virtuais
Aniversário
Balcão de Empregos
Cartão Postal
Charadas
Classificados
Clientes
Colunistas
Curiosidades
Eleições
Enigmas
Eventos
Fotos
Guia Eletrônico
Ilusão de Ótica
Livraria Papa-Siri
Mágicas
Noticias
Piadas/Lazer
Receitas

Fale conosco
 
 
 
 


 

Divirta-se, diariamente novas piadas para você !!

Alguns anos depois do casamento, o marido com a consciência pesada encara a mulher:- Amor, vamos jogar o jogo da verdade? Nós falamos nossos segredos, guardamos um para o outro e prometemos nos perdoar não importando o que seja, o.k.??!!
- Claro, amorzinho.
O marido nervoso, começa:
- Bom, com 2 meses de casados, eu transei com as tuas duas irmãs de uma só vez!
- A mulher interrompe: Logo com as minhas irmãs???!!!
- E o cara: Você prometeu que perdoava!!!
- Está bem, tá perdoado amorzinho. Agora é minha vez.
- O cara aliviado, pergunta: Claro amor, que segredinho você tem pra me contar???
- E ela: Sabe amor, 2 anos antes de a gente casar, eu era homem.

 

Um casal de velhinhos resolve pôr tudo em pratos limpos e falar a verdade sobre suas traições durante os 50 anos de casamento bem vividos:
O velho diz pra velha:
- Minha velha, nesses 50 anos eu só te traí 3 vezes.
E a velha:
- Quem foram elas, meu velho?
- Lembra daquela sua prima gostosa do interior que passava as férias na nossa casa??? Pois é, aquele corpo foi meu. Lembra daquela sua melhor amiga que ia lá em casa até quando você tava doente na cama??? Pois é, aquele corpo foi meu. Lembra daquela sua colega de trabalho que de vez em quando ia entregar recados seus lá em casa??? Pois é, aquele corpo foi meu.
O velho, que suspeitava ter sido traído quando jovem, pergunta:
- E você minha velha, me traiu quantas vezes??? Com quem???
A velha calmamente responde com outra pergunta:
- Lembra daquela construção que existia em frente à nossa antiga casa???
- Lembro, não era aquele prédio de 20 andares que servia como o prédio do 10º batalhão do corpo de bombeiros??? Pergunta o velho.
- Pois é, responde a velha. Aquele corpo inteiro foi meu.

 

Uma mulher pobre e nordestina queria ter um filho para colocar o nome de EFEIJÃO. Até que um dia ela teve o filho e foi ao cartório:
- Eu quero por o nome do meu filho de EFEIJÃO! - Disse a mulher
- Não podemos colocar nome de comida nas crianças que nascem - disse o homem do cartório - Isso é preconceito só porque eu sou pobre - disse ela.
- Não é minha senhora, nós não deixamos nem em pobre nem em rico
- Mas como eu conheço uma moça rica que colocou o nome do filho de comida!?
- O nome do filho dela é EFEIJÃO?- Não, ÉMILIO!

 

Um cara entrou num trem Ele não tinha dinheiro pra nada. Aí sentou ao lado dele um outro cara, que ofereceu: "Quer ganhar um milhão?" Era o tempo do cruzeiro ainda. Por isso, os valores dessa piada são tão altos. O sem - grana respondeu:
"Claro! O que é que eu tenho que fazer?"
"É só ir ali e dar um tapa na cabeça daquele careca."
"Mas isso eu não posso fazer!"
"Cê que sabe. Um milhão taí. Querendo, é só ir lá."
Aí o sem - grana pensou que com um milhão ele pagava a passagem do trem e ainda sobrava grana. Foi lá. Deu um tabefe na cabeça do careca, que avançou nele. O sem - grama abraçou-o e disse: "Almeida!!! Quanto tempo, cara!!" "Meu sr., eu não sou o Almeida!!!"
"Não?! Pô me desculpe. Achei que fosse um amigo meu." Pegou a grana e sentou-se de novo. Aí, veio o cara do dinheiro e falou:
"Quer ganhar dois milhões?"
"Quero!!! Que é que eu faço agora?"
"Mesma coisa."
"Mas agora o careca vai me matar!"
"Cê que sabe.. dois milhões tão aí...querendo, é só ir lá e dar um tapa na cabeça do careca."
O sem - grana nem pensou muito dessa vez. Foi lá e plantou uma bifa na cabeça do careca. O careca furioso quis matá-lo. O sem - grana abraçou outra vez: "ALMEIDA!!! Querendo me enganar que você não é o Almeida!!! Eu te conheço, pô!!! Nós estudamos o primário juntos... namorei tua irmã!!! Um amigão assim a gente nunca esquece!!!" "Meu sr., eu já disse que não sou o Almeida!!"
"Cê tem certeza que não é o Almeida? Olha..." "Não sou!!!" "Pô, desculpe aí..." O careca ficou tão bravo que mudou de vagão. O sem - grana pegou o dinheiro e sentou. Aí veio outra vez aquele cara e perguntou: "Quer ganhar cinco milhões?"
"Querer eu quero... mas se for pra dar tapa no careca de novo, eu não vou!!"
"Cê que sabe... cinco milhões tão aí...querendo é só ir lá."
O sem - grana pensou: "Pô, agora o careca careca chegou a mudar de vagão. Peraí... já sei!" Foi lá no outro vagão, deu um tapa na cabeça do careca e antes que ele pudesse reagir, abraçou-o e disse: "ALMEIDA!! Dei dois tapas na cabeça do careca do outro vagão pensando que fosse você!!"

 


 




© inaugurado em 15/02/2000. Todos os direitos reservados. - Itajai On Line