arraste para o lado para ver mais fotos
Dia internacional da mulher - alguns fatos e curiosidades

- Nem sempre foi celebrado no dia 8 de março! O primeiro Dia Nacional da Mulher foi em 28 de fevereiro de 1909 nos Estados Unidos com uma declaraçaõ do Partido Socialista da América.

Desde 1996, a ONU atribui um tema global ao Dia Internacional da Mulher. O tema de 2018 é: “Agora é o momento: ativistas rurais e urbanas transformam a vida das mulheres".

Declarado pelo presidente Barack Obama em 2011, os Estados Unidos designaram todo o mês de março como o “Mês da História da Mulher”.

O Dia Internacional da Mulher é feriado nacional na China, Armênia, Rússia, Azerbaijão, Bielorrússia, Bulgária, Casaquistão, Quirguistão, Macedônia, Moldávia, Mongólia, Taijiquistão, Ucrânia, Usbequistão e Vietnã. 

- Nos últimos anos, o Google sempre marcou a ocasião com um “Google Doodle” para o Dia Internacional da Mulher, mudando seu logotipo na página inicial para homenagear a ocasião.

Em países como Portugal a data especial é celebrada com a oferta de flores às mulheres e com jantares e festas só para elas.

O primeiro país da Era Moderna a garantir o direito de voto às mulheres foi a Nova Zelândia, em 1893. No mesmo ano, Elizabeth Yates se tornou prefeita de Onehunga, colônia britânica na Nova Zelândia. Ela foi a primeira mulher a exercer esse cargo em terras britânicas.

- Atualmente, cerca de 70% das mães com filhos menores de 18 anos trabalham. Em 1975, esse número não chegava aos 47%.

Até a segunda metade do século 20, as mulheres que trabalhavam fora de casa eram empregadas domésticas, costureiras, lavadeiras ou operárias, salvas raras exceções.

Os dois maiores QIs já registrados pertencem a mulheres. O maior deles é da colunista e escritora americana Marilyn vos Savant, que entrou para o Livro dos Recordes com seu QI de 228 pontos.

O primeiro romance da história, Genji Monogatari, foi publicado no Japão por volta do ano 1.000 d.C., por Murasaki Shikibu - uma mulher. Traduzida para dezenas de línguas, a obra é conhecida pela crítica que faz à vida na corte.



                                        Mais curiosidades




Diversos Há 2 anos