arraste para o lado para ver mais fotos
Antonio Lopes - Crônica 400 - Determinação e realização

Buscar alcançar um objetivo é a base para que o ser humano se movimente incansavelmente para conquistar satisfação na vida pessoal e profissional. Sempre visando melhorias, ao assumir compromisso com um projeto, a libido fica energizada produzindo determinação para o realizar. Isso se desenvolve primeiro com desejo que precisa ser alimentado constantemente, para enfrentar desafios e reduzir as fugas dos caminhos mais fáceis que sempre invadem a mente humana, mostrando que há coisas mais simples e mais agradáveis para se fazer.

Quando se assume compromisso para valer, o desejo passa a ser necessidade e, segundo Napoleon Hill, se não quiser a qualquer custo não conseguirá nada. Desejo que passa a ser necessidade impulsiona a mente humana como um poderoso foguete espacial, que queima energia imensa para vencer a força da gravidade e alcançar o espaço distante.

É necessário vencer a preguiça, os obstáculos do dia a dia, os sentimentos de frustração, nervosismo, agressividade, insônia, desinteresse, passividade, pessimismo e insegurança que geralmente assolamo ser humano, retirando a vontade indispensável para que haja ação diante de circunstâncias involuntárias desfavoráveis.

Ao chegar nessa crônica de número quatrocentos, alcancei uma marca importante na minha vida de escritor de crônicas psicanalíticas e, analisando como foi possível, lembro da história do monge que, ao ser perguntado como fez para andar dez mil quilômetros, respondeu: “Dei o primeiro passo”.

Na realidade já foram mais de quinhentas, visto que quando comecei a escrever não as numerava. Durante nove anos consecutivos venho produzindo artigos e crônicas para jornais, revistas e sites, sempre com base no cotidiano das pessoas, alicerçado nos estudos de psicanálise, pretendendo levar aos leitores um pouco de conhecimento sobre si mesmo, para que possamos promover uma evolução nas soluções de problemas pessoais de relacionamento neste mundo conturbado, onde habitam sociedades variadas, com valores éticos e morais desestruturados, que sempre exigem cada vez mais das pessoas. Essas exigências promovem conflito existencial, prejudicando a qualidade de vida com neuroses de todos os tipos.

Determinado em continuar a escrever, sou grato aos que com certa frequência me enviam depoimentos espontâneos, sendo isso combustível que me move paras a realização, o que agora passou a ser necessidade e, assim, busco determinação para estudar e continuar a escrever.

Minha especial gratidão ao meu amigo, colega psicanalista e aluno Inácio Carreira, ao colega psicanalista Castilho Sanhudo, e a Sandra Pedroso Cunha, produtora cultural e minha companheira querida, que me acompanham com suas preciosas colaborações em revisão e sugestões de temas.

Determinação é produzida com compromisso de realização



Crônica anterior        /         Página inicial         /        Crônica seguinte




Diversos Há 1 ano